Aguarde. Carregando informações.
22/08/2016 às 12h01

Atletas do Brasil inteiro dão show de superação no Challenge Family


A largada para segunda edição do Challenge Family em Maceió, foi dada neste sábado (20), na Orla da praia de Pajuçara. Uma das maiores competições de triatlo do País, conta com o apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Esporte Lazer e Juventude (Selaj), e tem a expectativa de receber mais de dois mil atletas, e atrair turistas, que ocupam 60% dos quartos da rede hoteleira maceioense, neste fim de semana.

Atletas de vários lugares do País e do mundo participam do evento e para isso o Governo de Alagoas entrou em parceria com a equipe organizadora, para proporcionar aos alagoanos e turistas, estrutura e recepção de qualidade. O sucesso da primeira edição, em 2015, firmou Alagoas como principal rota para a competição, que visa qualidade de vida e, principalmente, superação para os atletas.

Para o diretor do evento, Marcos Pradines, Maceió superou as expectativas nesta segunda edição.“Muitas pessoas acordaram cedo e vieram prestigiar as provas iniciais, o acolhimento do povo alagoano é algo que só consolida ainda mais toda equipe do Challenge e atletas, sendo também, uma das maiores motivações para realização do evento” destacou o diretor.

No decorrer das competições, os triatletas das categorias principais (Sprint e Half), mostraram na prática, a verdadeira lição e inspiração. Histórias de superação dos atletas motivaram o público presente.

Tatiana Fernandes superou a perda recente da mãe e também seus limites, concluindo a prova em primeiro lugar na categoria Sprint – feminino. A alagoana, emocionada, mostrou a todos que o objetivo do esporte vai além de uma competição.

Durante as modalidades deste sábado, o atleta Elânio Siqueira, se destacou em meio aos competidores da categoria Sprint - intermediário, pela sua condição física e vitalidade de encarar o circuito com pessoas mais jovens.

“Motivação é estar com 52 anos e poder competir com moças e rapazes mais novos, na faixa de 20/30 anos, ganhar deles e, principalmente, ir além dos meus princípios físicos. Espero que seja um exemplo para os mais jovens, que tenham cuidado com a saúde física e um incentivo para pessoas da minha idade a praticarem esporte físico por uma qualidade de vida melhor”, completou Siqueira.

A baiana e atleta Sprint, Priscila Marques, contou que, como participante do Challenge em outras edições, o incentivo familiar é fundamental no desempenho do atleta. Relatando ainda, os benefícios que o triatlo traz tanto para seus filhos, como o dia a dia da família.

“Meu filho está concorrendo a categoria de oito anos, pela segunda vez em Maceió, por muitas outras, ele mesmo tem a atitude de dizer que quer participar e acaba incentivando o resto da família também. Eu e o pai somos competidores, sabemos os benefícios que a prática esportiva traz para criança, mais disposição, bem-estar, a competitividade, mostrar o momento de ganhar e perder, sem desistir do objetivo”, disse Priscila Marques.

O evento segue no domingo com a prova principal, nominada como Half – voltada para profissionais do Triatlo, com circuito de 1.900 metros de natação, 90km de ciclismo (Pontal – Pajuçara) e 21,1 km de corrida (circuito). A realização da III edição do Challenge Maceió, ainda não tem data definida, mas ocorrerá em Agosto de 2017, afirmou a direção organizadora do evento.

Arquivos